quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Tecnologia avançada chega a Rio Preto utilizando oxigenoterapia hiperbárica

Pacientes da cidade e região ganham qualidade de vida com novo tratamento que atende pelo SUS e demais convênios

Já está instalada e em funcionamento na cidade de São José do Rio Preto, a Câmara Hiperbárica, um equipamento capaz de produzir um grande benefício para pacientes que necessitam desse tipo de tratamento à base de oxigenoterapia hiperbárica.

Dr João Armando Padovani e Dr. Carlos Alberto de Carvalho

Os médicos responsáveis pelo tratamento com a câmara hiperbárica em Rio Preto são os doutores Dr. Carlos Alberto Carvalho, médico hiperbaricista e membro da Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica e o Dr João Armando Padovani. A indicação dos médicos projeta que o primeiro passo é orientar o paciente se ele pode ou não receber esse tratamento e para isso uma equipe especializada de enfermagem está apta a reconhecer ou não a necessidade após avaliação prévia. Geralmente o tratamento para quem tem uma ferida há anos e com dificuldade de cicatrização é a médio e longo prazo. Com 20 sessões já dá para notar uma cicatrização da parte afetada; “o paciente dentro da câmara respira oxigênio puro com uma pressão 2 ou até 3 vezes maior que a pressão atmosférica; esse oxigênio vai se difundir na circulação do paciente e aumenta em 20 vezes a dosagem normal de oxigênio, o que acelera o processo de cicatrização e o combate às infecções;” explicam os médicos.O tratamento pode ser feito para pacientes do SUS, conveniados e particulares.

O que é e como funciona a Câmara Hiperbárica
Com controle digital e a última palavra em termos de tecnologia, a Câmara Hiberbárica faz desse tratamento uma referência nessa área. Basicamente esse tratamento, pioneiro na cidade, consiste na inalação de oxigênio puro, onde o paciente, dentro da câmara, submete-se a uma pressão maior do que a atmosférica, e onde a concentração de oxigênio no sangue aumenta em até mais de 20 vezes. Uma pessoa por vez pode utilizar a câmara e o tempo dentro dela varia de 1 hora e meia a duas horas. A câmara com esse grau elevado de oxigenação sob pressão pode ter várias indicações, entre elas, queimaduras, embolias, úlceras e feridas que não cicatrizam; dessa maneira o tratamento tem a eficácia de chegar a locais onde o processo de cicatrização estava prejudicado e permite reativar a oxigenação nessas regiões críticas estimulando as células. A oxigenoterapia hiperbárica também é altamente eficiente no tratamento de feridas que ocorrem em pacientes diabéticos, pois a combinação dos efeitos de aumento da oxigenação das bordas das feridas combate a infecções.






Serviço
Câmara Hiperbárica/ São José do Rio Preto
Local: Clínica Padovani de Medicina Hiperbárica
Rua Raul Silva 48 Redentora
Telefone: (17) 3305-0632 ou 3305-0631

Nota da Redação
Matéria Exclusiva do Jornal do Povo de Rio Preto que "investigou" e descobriu a Clínica do doutor Carlos Alberto Carvalho, em Rio Preto, depois de receber correspondência da leitora R.M, da cidade de Frutal MG, cuja foto das feridas que ela tem nas pernas consta desta matéria, solicitando ajuda para o seu tratamento com a Hiperbárica, no que o jornal foi prontamente atendido pelo Dr. Carlos e sua equipe, que felizmente atendem pelo SUS, conveniados e particular.

Um comentário:

  1. Gostaria de saber se: Quando as lesões são somente do joelho tem que entrar de corpo inteiro? Conheço um rapaz que sofreu um acidente passou por esse processo é afetou a visão. O que pode acontecer com o paciente? Preciso de resposta, pois as pernas da minha mãe estão iguais a dessa foto acima.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário sobre esta matéria. Volte sempre!

E ATENÇÃO: O ÚNICO EMAIL PARA CONTATO COM O JORNAL DO POVO RIO PRETO É O MEU JORNALDOPOVORIOPRETO@BOL.COM.BR OU JORNALDAJOILDAGOMES@GMAIL.COM NÃO EXISTE NENHUM OUTRO. NINGUÉM ESTÁ AUTORIZADO A FALAR PELO JORNAL. SOU ÚNICA PROPRIETARIA E RESPONSÁVEL PELO BLOG. QUALQUER OUTRO EMAIL É CRIME. CHAME A POLÍCA RSRSR